VIVALDO STAUT

Método World Innovators (WI)

Se preferir, clique no vídeo abaixo que eu leio “Sucesso e Fracasso” para você.

Eu inicio, neste episódio, uma série de artigos sobre o sucesso. O assunto é vasto, e por isso não pode (e nem deve) se restringir a um texto apenas. Hoje vamos falar sobre sucesso e fracasso.

Então, espero que você se sente, relaxe, e aproveite a viagem rumo ao sucesso!

pelo Psicanalista Marcos Silveira

Em primeiro lugar, eu acredito que precisamos definir o que é o sucesso. Sucesso para mim pode não ser o mesmo que para você. Então, para que estejamos alinhados, vamos procurar chegar a um consenso do que é o sucesso.

Roberto Shinyashiki diz que “Um dos erros das pessoas e da sociedade é querer padronizar os objetivos”.

Então, primeiramente, gostaria que você parasse para pensar um pouco e me respondesse: O que é sucesso PARA VOCÊ?

Permita-se meditar sobre esta questão por alguns segundos, talvez fechando os olhos e tomando uma ou mais respirações bem profundas, buscando lá dentro de você o SEU verdadeiro significado, e não aquele que lemos em capas de livros ou nos títulos de artigos de revistas de empreendedorismo.

Isso….. Mais uma respiração…

Pronto? Achou a SUA resposta?

Escreva o que você pensou. Vamos precisar desta informação mais tarde.

CONCEITOS SOBRE O QUE É SUCESSO

Talvez o primeiro lugar onde possamos buscar o sentido da palavra sucesso seja no dicionário. Você verá que encontraremos várias acepções. Numa delas, sucesso é “aquilo que sucede; acontecimento, fato, ocorrência.” Ou seja, qualquer fato é sucesso. Vamos reservar esta definição em nossa cabeça em algum cantinho. Depois pegaremos de volta.

Uma segunda acepção é “qualquer resultado de um negócio, de um empreendimento”. Reserve esta também.

Outra ainda é “bom resultado; êxito, triunfo.” E, por fim, vamos pegar apenas mais uma definição: “parto”. Guarde.

Como numa receita de bolo, vamos em algum momento unir estes ingredientes.

O QUE DIZEM AS PESSOAS DE SUCESSO

Uma ótima fonte de consulta seria avaliar o que aquelas pessoas tida como bem-sucedidas entendem por sucesso, não é mesmo?

Então vejamos algumas frases:

“Não compre a definição de sucesso da sociedade. Ela só funciona para quem faz remédios para stress, diabetes e pressão alta.” – esta é a definição de Arianna Huffington, fundadora do Huffington Post;

“Sucesso é quando você se sente bem consigo mesmo, com suas decisões (…) Não significa apenas alcançar metas, mas sentir prazer nisso.” – esta é de Richard Shell, professor de direito e negociação de Wharton;

“O sucesso é mensurado não pela posição que uma pessoa alcança, mas pelos obstáculos que ela teve que vencer.” – Booker T. Washington (escritor e professor americano – 1856 / 1915)

NÃO SE ESQUEÇA DO FRACASSO

Eu acredito que, para que possamos fazer bem o nosso trabalho aqui, além de definir o sucesso, precisamos definir também o fracasso.

Novamente convido você para refletir sobre o que é fracasso PARA VOCÊ.

Vamos lá, você já aprendeu: fechando os olhos por alguns segundos e respirando, buscando no seu silêncio interno a SUA resposta.

Isso….

E então encontrou? Anote, por favor.

Em busca de definições, de novo nosso amigo Aurélio nos auxilia: “falta de êxito; malogro; derrota; ruína, desgraça”.

Agora, me diga: você concorda que aqueles que obtiveram sucesso fatalmente já passaram pelo fracasso? Claro, né? Então vamos ver o que eles dizem:

“O fracasso é somente a oportunidade de começar de novo, de forma mais inteligente.” – Henry Ford;

“A linha entre o fracasso e o sucesso é tão tênue que nós raramente sabemos quando a ultrapassamos.” – Ralph Waldo Emerson (Escritor americano – 1803 / 1882)

E uma frase que mescla estes dois conceitos é do grande estadista Winston Churchill  (1874 – 1965): “Sucesso é a habilidade de ir de um fracasso a outro sem perder o entusiasmo”.

O QUE A PNL DIZ SOBRE SUCESSO E FRACASSO

Um dos principais conceitos da PNL (que são chamados de pressupostos) nos diz que “Não há fracasso, existe apenas aprendizado”. E este conceito é, definitivamente, um ótimo ingrediente para o nosso bolo.

Entenda que nós sempre chegamos a algum resultado, seja ele qual for. Então, se você não chegou ao seu resultado esperado, é porque você usou a estratégia que não era condizente com a obtenção daquele resultado específico. Portanto, você não fracassou: apenas não chegou ao resultado que você queria!

Thomas Edison, considerado um dos inventores mais profícuos do seu tempo e fundador da General Electric (GE), registrou ao longo de sua vida 2332 patentes, com invenções das mais mirabolantes, e por isso mesmo deve ter sido uma das pessoas que mais falharam na vida. A boa notícia é que ele nunca desistia diante dos seus “fracassos”. Boa notícia sim, porque se ele tivesse desistido, talvez não tivéssemos a lâmpada elétrica até hoje, ou teríamos demorado muito mais tempo para conhece-la. Reza a lenda que, quando perguntaram a Edison porque ele não desistiu da lâmpada após mais de mil tentativas, ele respondeu: “Pois hoje eu conheço mais de mil formas de como uma lâmpada NÃO funciona”.

Então, qual é a solução quando não estamos tendo sucesso?

MUDAR A ESTRATÉGIA!

Sim, pois se você chegou a algum resultado, você possui a competência de CHEGAR a um resultado, correto? Então, basta ajustar o seu foco, alterar os procedimentos e ferramentas, e você fatalmente conseguirá seu objetivo! Assim, se algo que você está fazendo não está dando certo, FAÇA OUTRA COISA.

E você me perguntaria: Que coisa?

Ora, Qualquer coisa!

FAZENDO O BOLO DO SUCESSO (NÃO DO FRACASSO)

Agora chegou a hora de juntarmos todos os ingredientes que estamos reservando desde o início deste artigo!

Portanto, o resultado é o seguinte:

  • Qualquer acontecimento é um SUCESSO, pois é o que “se sucede” de qualquer iniciativa.
  • Se o resultado não o atende, mude a estratégia.
  • Quantas vezes? Quantas forem necessárias para chegar ao resultado esperado!

Sim, é bastante possível que leve tempo e consuma energia…

Que seja doloroso e extenuante como um parto…

Mas, se você está bem consigo mesmo e tendo prazer com isso, você está no caminho certo! E, a cada tentativa, você terá aprendido mais, e estará mais próximo do seu objetivo. Até que, finalmente, você cruzará a tênue linha entre o que se chama de fracasso e o sucesso, após várias tentativas, sem perder o entusiasmo!

Quero fechar com mais uma frase de Thomas Edison (e esta é minha preferida):

“O gênio consiste em um por cento de inspiração e noventa e nove por cento de transpiração.”

Um grande abraço e nos encontramos no episódio 2 desta série!

Fonte e mais Info: Este conteúdo foi escrito pelo Psicanalista Marcos Silveira. Conheça mais sobre o autor e seu propósito neste link. Veja dicas de como descobrir o seu propósito neste post. Assine nosso canal no Youtube e veja muitos outros “vposts” como este. Vídeos novos todas as quintas.


Participe do treinamento World Innovators (WI) OnLine

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.

%d blogueiros gostam disto: