VIVALDO STAUT

Método World Innovators (WI)

Aprenda a calcular suas métricas de risco para tomar decisões influenciadas pelos dados

Dividindo uma ideia em pedaços menores, você pode entender e testar o risco em um nível mais granular. Chamamos isso de hipóteses subjacentes à sua ideia.

Leia mais

10 dicas de atendimento ao cliente

Garanta a satisfação do cliente que mantém você nos negócioscom estas 10 dicas simples sobre como maximizar seu serviço de apoio ao cliente.

Leia mais

Os três pilares da persuasão

Cerca de 2400 anos atrás, Aristóteles descreveu os três elementos necessários para mover uma audiência: logos, pathos e ethos – o apelo intelectual, o apelo emocional e o caráter do orador com apelo carismático. Estas classificações são tão aplicáveis para os vendedores de hoje como eram naquela época.

Leia mais

A reinvenção inquieta mantém você enriquecendo

Com reinvenção inquieta, você pensa: “Nosso trabalho nunca esta terminado” e portanto se move para fora de uma perigosa zona de conforto.

Leia mais

Como responder “O que há para mim?” em quinze segundos

A pergunta mais importante a ser respondida em qualquer tipo de marketing sempre foi: “O que há para mim?”

Leia mais

Um futuro além da imaginação.

Em 1998, a Kodak tinha 170 mil funcionários e vendia 85% do papel fotográfico utilizado no mundo. Em apenas três anos, seu modelo de negócio foi extinto e a empresa desapareceu. Por que?

Leia mais

Design Thinking – O que é?

Design thinking é a mentalidade que visa melhorar a situação das pessoas através das experiências que elas têm. Se você estiver interessado em resolver problemas para as pessoas, poderá praticar o design thinking.

Leia mais

Como falar com o cliente de frente, nunca de cima

A comunicação com leads e clientes deve ser sempre clara e direta. Usar linguagem técnica, fora do contexto do cliente torna o entendimento desafiante e afasta ouvinte para a concorrência.

Leia mais

Inovação – O que é?!

Para a maioria das pessoas não há uma reposta simples sobre o que é inovação. Mas, se queremos dominar a inovação, a ponto de fazê-la trabalhar a nosso favor, precisamos primeiro compreendê-la.

Leia mais
%d blogueiros gostam disto: